APOIO:

terça-feira, 24 de abril de 2018

Kom igen Løverne! #3 Novos projetos e novo elenco. (FM 2008)


Ao final da temporada 2008/2009, a diretoria correu para não perder Dennis Larsen já que o treinador atraía interesse de clubes das grandes ligas europeias. Para renovar, o treinador fez uma "exigência": que fosse feito um grande investimento na estrutura do clube. Larsen não queria apenas ganhar títulos com a equipe e sim desenvolver o clube, servindo de exemplo para outros. A diretoria analisou e aceitou a contra-proposta de Larsen, o tornando não só treinador, mas membro da equipe de desenvolvimento do clube, dando total acesso às finanças, projetos e outros assuntos além das 4 linhas. A diretoria do Copenhagen anunciou melhorias no CT dos profissionais e na estrutura p/ as categorias de base. Além disso, Larsen conseguiu a aprovação de dois projetos: Academy of Sport and Social Development Harald Ingemann Nielsen (Academia de Desenvolvimento Esportivo e Social Harald Ingemann Nielsen) - um complexo socioesportivo onde os jovens irão além de integrar a base do FC Copenhagen, ter todo suporte educacional necessário até sua formação. O complexo leva o nome do fundador do Clube, o ex-jogador Harold Nielsen, projeto esse que será estampado nos uniformes do clube. O segundo projeto é o ARAC - Advanced Research and Analysis Center (Centro Avançado de Pesquisa e Análise) - uma rede mundial de observação e análise de jovens jogadores. O objetivo é "recrutar" os mais talentosos jovens para se desenvolverem no Copenhagen.

Agora é hora de falar de futebol. Depois de uma temporada brilhante, a comissão técnica do Copenhagen se reuniu para discutir a temporada passada e planejar a próxima. Todos sabiam que os grandes nomes daquele elenco estavam atraindo interesse de times do grande cenário futebolístico e que poderia rolar um "desmanche". Dennis era muito transparente com os atletas e pedia pra que eles fossem também. Numa reunião com todos, Larsen comunicou que sua sala estaria disponível para quem quisesse conversar sobre transferências e que ele, junto com todos envolvidos, faria o melhor p/ todas as partes. Isso evitou possíveis tumultos criados pela mídia em torno de transferências.

O primeiro a ir conversar com Larsen foi Ääritalo. Manchester United e Copenhagen tinham um pré acordo pelo atleta e para concretizar, bastava um sim do jovem finlandês. Depois de muita conversa entre Larsen, Ääritalo, Copenhagen e United, foi selada a transferência: R$30M mais 50% do valor de uma futura venda iria para a equipe dinamarquesa. Era uma grande perda para os Leões, mas o dinheiro ajudaria no desenvolvimento dos projetos. Outros nomes importantes também saíram: Jesper Christiansen p/ o Steua Bucaresti (R$4M), Marvin Angulo p/ o Betis (R$10M), Simon Poulsen p/ o Fenerbahçe (R$10M), Oscar Wendt p/ o Sparta Praga (R$6,75M), Guerrón p/ Young Boys (R$1,5M) e Leon Andreasen p/ o Tottenham (R$32M) porém, depois de longas conversas, Andreasen aceitou ficar mais uma temporada na Dinamarca. Além deles, Celsinho e Eduardo saíram por empréstimo p/ Hertha e Botafogo, respectivamente.

Para repor as perdas, chegaram bons nomes como: Kevin Sthur Ellegard, Dante, Edward Ofere, Thibaut Giresse, o retorno do ídolo Niclas Jensen e a grande contratação da temporada, Nuri Sahin. Com a ajuda do ARAC, o clube ainda pode reforçar os plantéis mais jovens. Com o elenco formado, é hora de trabalhar forte para a temporada! 

Kom igen Løverne!

TRANSFERÊNCIAS:  CHEGADAS SAÍDAS ELENCO

0 comentários:

Postar um comentário

 
TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.©| BEIRA DE CAMPO. Editado por: Pedro Silva