APOIO:

sábado, 21 de abril de 2018

Kom igen Løverne! | #1 De Auxiliar para Efetivo. (FM 2008)


Era véspera de Natal em 2007 quando o antigo jogador dinamarquês Dennis Larsen recebeu um telefonema de nada mais, nada menos que Michael Laudrup. Os dois eram amigos dos gramados, tinham bastante afinidade. Laudrup ofereceu um cargo de Auxiliar Técnico para Larsen, que havia acabado de se aposentar do futebol. Larsen pediu um tempo para pensar, pois isso traria uma grande mudança para seus planos de vida. Após alguns dias, ele resolveu aceitar o desafio! Juntava-se a comissão técnica do FC Copenhagen, o ídolo do clube Dennis Larsen.

Depois de AJUSTAR o elenco a primeira temporada foi ótima: Com o título da Alka Super Liga (Campeonato Dinamarquês)  e da DBU Pokalen (Copa da Dinamarca), o clube conseguiu a classificação para as Eliminatórias da Champions. Laudrup e Larsen vinham bem, planejando a temporada 2008/2009 quando, Laudrup disse que tinha uma proposta muito boa do futebol espanhol, mais precisamente do Getafe.
Com a saída de Laudrup, o ex técnico indicou Larsen para seu lugar, tendo que o Auxiliar já conhecia o elenco e participou da pré-temporada. A diretoria concordou e ofereceu um contrato a Larsen, que aceitou e, dali em diante, começava sua história como treinador.

A segunda temporada começou e com ela as NEGOCIAÇÕES. Chegadas e saídas e o ELENCO se formou. O primeiro jogo da temporada foi um amistoso, que serviu para Larsen definir os TITULARES E A FORMAÇÃO que seria a ideal. Resultado, 4x1 em cima do Club Brugge. Em seguida, o primeiro jogo oficial e já uma disputa de título, final da Supertaça Dinamarquesa contra o Odense BK, jogo fácil e um 5x2 tranquilo.
O campeonato Dinamarquês parecia fácil, mesmo com a derrota na segunda rodada para o Aalborg em casa. Na estreia os Leões venceram fora e na terceira rodada outra vitória como visitante. Estreia na Pré Champions. Se o Copenhagen quisesse jogar a fase de grupo da Champions, seria necessário passar por duas eliminatórias antes. A primeira contra o fraco FK Ventspils, da Letônia. Duas vitórias fáceis por 3x0, com shows de Ääritalo e Andreasen, cada um fazendo 3 gols. Entre um jogo e outro contra o Ventspils, uma vitória fácil contra o Midtjylland por 3x0. A segunda eliminatória era contra o SHAKHTAR, um time bem mais difícil. Antes do primeiro confronto, uma vitória contra o Esbjerg pelo Dinamarquês por 2x1. Os dois jogos contra o Shakhtar foram difíceis. Um 0x0 fora deu a possibilidade do Copenhagen chegar bem pro jogo em casa. Em casa, permaneceu o 0x0, mesmo com um domínio da equipe anfitriã. Porém, na prorrogação, Rajtoral deu a classificação para os Leões. O FC Copenhagen voltava para a fase de grupos da Champions!

Chegamos ao meio da temporada com a fase de grupos da Champions encerrada e muita surpresa para os torcedores do Copenhagen. Depois de um sorteio onde deixou a equipe de Larsen num grupo muito difícil com MANCHESTER UNITED, LAZIO E CSKA, a equipe surpreendeu a todos, VENCENDO MANCHESTER UNITED EM CASA NA ESTREIA 3x1. Isso mostrava o quão bem preparada estava a equipe de Dennis. Em seguida, mais uma vitória dessa vez CONTRA A LAZIO, em pleno Olímpico de Roma. CONTRA O CSKA fora, a primeira derrota, 2x1 para os Russos. No returno, mais resultados surpreendentes: EMPATE NA INGLATERRA, EMPATE CONTRA A LAZIO e VITÓRIA CONTRA O CSKA. Com isso e agregado aos resultados dos adversários, o Copenhagen surpreendia todos e se classificava em primeiro do grupo!

No Dinamarquês, pouca dificuldade. O time já vai se mostrando a frente dos adversários.

Pela Copa, apenas dois jogos bem fáceis. Um 5x0 em cima do Lundtofte e um 4x0 sobre o Køge.

FC Copenhagen: CALENDÁRIO|DADOS DO TIME
UEFA Champions League: GRUPO|ESTATÍSTICAS DOS JOGADORES

0 comentários:

Postar um comentário

 
TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.©| BEIRA DE CAMPO. Editado por: Pedro Silva